A importância do treinamento e desenvolvimento para pequenas empresas

Home / Treinamento e Desenvolvimento / A importância do treinamento e desenvolvimento para pequenas empresas

A importância do treinamento e desenvolvimento para pequenas empresas

A gestão estratégica de pessoas, por meio de treinamento e desenvolvimento, é o passaporte para o crescimento sustentável das pequenas empresas, já que não pode haver expansão enquanto existirem equívocos nos processos, alta rotatividade ou centralização de informações e decisões.

Sendo assim, os programas em treinamento e desenvolvimento para pequenas empresas, quando suas ações são bem planejadas, dirigidas, mensuradas e otimizadas, devem ser percebidos como um investimento e não um custo.

Alguns pequenos empresários acreditam que a gestão de pessoas só é possível em grandes empresas, com alto investimento de tempo e dinheiro.

Na realidade, quem mais precisa investir em treinamento e desenvolvimento são as micro e pequenas.

Continue lendo para entender o porquê!

Treinamento e desenvolvimento para as pequenas empresas

De acordo com uma pesquisa realizada no âmbito do Programa de Iniciação Científica da Universidade Mogi das Cruzes, as PME’s consideram o treinamento e desenvolvimento importantes, mas uma minoria investe em programas de capacitação para seus colaboradores.

Os motivos mais comuns observados são: falta de tempo por parte dos funcionários e gestores, falta de interesse por parte dos colaboradores e custos de implementação.

Os desafios de crescer com pouco capital

Na pequena empresa, as necessidades vão surgindo dia após dia e é inevitável que algumas questões ganhem mais prioridade do que outras.

Nesta realidade, estão entre os principais desafios:

  • Falta de tempo: o empresário não pode “parar” para se dedicar a um plano de treinamento e desenvolvimento, por estar sempre atendendo a demandas mais urgentes, causadas, geralmente, pela falta de treinamento. Também não tem tempo de ele mesmo treinar a equipe, e segue ensinando o básico para a solução de problemas diários.
  • Falta de recursos: muitos empresários ainda cultivam a ideia de que, para implementar programas de treinamento e desenvolvimento, é necessário contratar vários especialistas de RH ou investir alto em grandes consultorias. Esse pensamento também é resultado da falta de tempo e conhecimento para buscar soluções de capacitação dentro da sua realidade.
  • Centralização de informações: sem um processo estruturado, todo o conhecimento estratégico da empresa fica concentrado em algumas pessoas, ou, às vezes, em apenas uma (o proprietário). Isso faz com que haja uma enorme dependência da presença do empresário para que as atividades sejam realizadas e os problemas resolvidos.

O que a maioria também não tem tempo para perceber é que estão desorientados, solucionando apenas situações pontuais, sem planejar e estruturar pontos-chave do negócio.

Assim, sem desenvolver a autonomia da equipe, o empresário fica refém do próprio negócio.

A importância do treinamento para as pequenas empresas

Quando falamos sobre treinamento, nos referimos a um conjunto de habilidades que devem ser aprimoradas para a boa execução de um trabalho. Seu aprendizado é de curto prazo, com resultados visíveis de imediato.

Esses treinamentos podem ser para aprender uma infinidade de assuntos, desde técnicos à comportamentais. Eles vão aproximar o colaborador à cultura da empresa, focando na produtividade.

Infelizmente, a grande maioria das pequenas empresas não tem um programa adequado para seus times, assim, cria-se uma expectativa de que os colaboradores sabem o que deve ser feito, quando instruções claras de como fazê-lo não são apresentadas.

Além disso, muitos empresários vêem a capacitação como uma ameaça:

“ – Se eu investir nas equipes, os melhores serão contratados por salários maiores e eu vou sair perdendo”.

A importância do desenvolvimento organizacional

Desenvolver pessoas com a intenção de fazê-las cumprir além de sua função é a chave para construir uma equipe engajada, produtiva e que gera resultados. É importante investir em habilidades como liderança, inteligência emocional, autogestão, gerenciamento do tempo, escuta ativa, adaptabilidade e outras, que geram autonomia e segurança para tomada de decisões.

Além disso, os programas que desenvolvem os colaboradores fazem com que eles se sintam valorizados, diminuindo a busca por outras oportunidades de trabalho.

Com o programa de desenvolvimento, o time vê muito mais possibilidades em crescer com você e sua empresa.

Benefícios percebidos na aplicação de programas de treinamento e desenvolvimento para pequenas empresas

Além de todos os impactos positivos citados até aqui, os treinamentos geram um novo tipo de engajamento entre os colaboradores, construindo e fortalecendo laços.

Pequenas empresas que investem no treinamento e desenvolvimento de suas equipes percebem:

  • Mais motivação;
  • Baixo turnover;
  • Maior autonomia;
  • Aumento na produtividade;
  • Melhora no clima organizacional.

O que uma parceria estratégica de RH pode fazer pelo seu negócio?

Mas, e agora? Como aplicar tudo isso quando tudo é prioritário e o orçamento limitado?

O caminho mais rápido e confiável é escolher uma empresa especializada, como é o Grupo CETEFE, para fazer a gestão dos programas de treinamento e desenvolvimento do seu negócio.

Nosso trabalho é totalmente personalizado, avaliamos as necessidades das empresas e propomos soluções. Entendemos que nossos clientes precisam de parceiros estratégicos, não de meros prestadores de serviços.

Saiba mais sobre o Grupo CETEFE. Entre em contato com a nossa equipe clicando aqui.

Mais recentes
titulo
×